amizade e poesia

Alguém que faz você rir…Alguém que faz você acreditar em coisas boas…Alguém que convence você …De que existe uma porta destrancada…Só esperando para que você abra. Esta é a Amizade Para Sempre.

NO CRAVO E NA FERRADURA

Posted by amizadepoesia em Março 7, 2008

Sou o que sou, sem jamais ter sido,
penso o que penso, num eterno pensar
escrevo o que escrevo, vale o escrito
navego mares, sem jamais navegar.

Perco e me perco, sem ficar perdido
Falo e não falo, mas não sei calar
Morro e não morro, sem ter morrido
Ressurjo das cinzas…só pra te amar.

Dou uma no cravo
outra na ferradura
Mas não jogo água
na tua fervura…

Lembro e relembro o já acontecido
Apago as pegadas na beira do mar
Me perco no tempo, tempo perdido
Se sonho meu sonho, apenas sonhar.

Esqueço o isqueiro, já esquecido,
Acendo um cigarro na luz do luar,
Ouço e não ouço, confusos ouvidos,
Poemas escritos, pro tempo apagar.

Dou uma no cravo
outra na ferradura
Mas não jogo água
na tua fervura.

Jorge Linhaça

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: