amizade e poesia

Alguém que faz você rir…Alguém que faz você acreditar em coisas boas…Alguém que convence você …De que existe uma porta destrancada…Só esperando para que você abra. Esta é a Amizade Para Sempre.

Archive for 9 de Março, 2009

Mulher

Posted by vidapura2 em Março 9, 2009

 Deus criou tudo que existe…
      Ao homem foi dado a escolha
      Da companhia…
      O homem escolheu a mulher.(B.S)
      Utopia…hoje em dia.

      Mulher que foi feita da costela
      do homem…
      Carne da carne.
      Para caminharem juntos lado a lado
      Utopia…hoje em dia.

      Mulher que foi feita para amar
      e respeitar o homem
      Para juntos multiplicarem.
      Utopia…hoje em dia.

      Mulher…em seu afã
      de conquistar seu lugar ao sol
      Está deixando de lado sua verdadeira missão.
      O futuro da humanidade comprometido.
      Uma raça agonizante

      Desvalorizaram-se, esqueceram da familia
      De cuidar do seu homem
      Aceitar sua função, o seu papel com resignação

      Esqueceram dos cuidados da geração futura
      em sua vaidade de se igualar ao homem
      A geração futura em extinção.

      Mulher…exerça qualquer atividade
      Ajude seu homem nas despesas
      Adquira sua liberdade econômica
      Contudo nunca queira ser igual ao homem

      Pare!!
      Ainda é tempo
      Continue sendo apenas mulher
      Ou se não, dentro em pouco não saberemos
      Distinguir o homem da mulher

      Volte  às suas origens
      Tempo em que havia compreensão e felicidade
      Mantenha um relacionamento
      onde seja cultivado a força de vida de homem e de mulher
      Onde será criado a raça futura
      em força e pensamentos
      Eleve-se as alturas juntamente com seu homem
      Eleve-se como mulher

      Os homens têm sentimentos,
      Como você, Mulher
       Não  são brinquedos.
      Eles necessitam de cuidados especiais
      Para serem manejados
      Portanto isso é tarefa de uma grande mulher
      Mulher você é a beleza da natureza,
       da humanidade
      Sua inspiração e criação
      são dons atribuidos à você por Deus
      Você mulher consegue trazer a ruina a decadência
      do homem
      Seu papel mulher é trazer a vida
      Seja sempre uma grande mulher
      caminhando nem na frente , nem tampouco
      atrás do seu homem e sim ao lado.
 Nelim Monti

Posted in poesia | 2 Comments »

DIA DA MULHER

Posted by vidapura2 em Março 9, 2009

Oito de março é um dia

De grande valor sem igual

Data de muita alegria:

Uma homenagem real.

Não uma data qualquer

É um justo tributo a mulher.

E ela é responsável

Pelo milagre da vida

Gesta de modo admirável

Dentro de si esculpida

Faz desse ato um mister,

Você é gigante oh mulher.

Deus quando te criou

Tinha mania de grandeza

Desde que te fez te amou

Deu-te o dom da realeza,

Deu-nos de chá uma colher

E tu apareceste mulher.

Já foste escrava outrora

Só como objeto de adorno

Jesus rechaçou na hora

Esse tratamento morno.

E seja o que Deus quiser

Nós te amamos mulher.

Não importa se em crise ou não

Se alguém promete e não faz

Você palpita o coração

E faz a vida ter paz:

E venha tudo o que vier

Você subsiste oh mulher

Luiz Gonzaga da Silva

Posted in AMIGOS | Leave a Comment »

Dia da Mulher

Posted by vidapura2 em Março 9, 2009

DE MENTIRAS E VERDADES
A MULHER É FEITA
SEJAM SONHOS OU REALIDADES

FLORES OU DORES
TUDO PODE SUPORTAR
CARREGA O MUNDO

NADA PERDE/NADA GANHA
NUNCA DESCANSA
PARA SE TORNAR BELA

DA CARNE DE UMA MULHER
TODO HOMEM É FEITO
COM CARINHO E ORGULHO

CARLOS ASSIS

Posted in AMIGOS, poesia | Leave a Comment »

Devorados

Posted by vidapura2 em Março 9, 2009

Acostumados com palavras
Habituados com imagens
Escrevemos
Olhamos uns aos outros

Alguém nas mãos de ninguém
Sonhos incompletos
Nomes nas pedras
Números nos papéis

Ventiladores girando no teto
Cheiro de gasolina no asfalto
A pernada do vento
No empório do tempo

Desaparecemos
Pingos na chuva
Tantos lugares
Tantas sombras

O mar distante
A nuvem branca
O sol no alto
A flor no gramado

Tudo nos fascina
Tudo nos engole
A multidão nos esconde
Universo virtual

Os edifícios altos
Nos cercam
Nos enclausuram
Nos esquecem

Somos a clientela
Do inferno
O biscoito fino
Dos vermes

Desmembrados
Apagados pela pós-produção
Os espinhos na carne
Os copos de leite

Carlos Assis

Posted in poesia | Leave a Comment »

DESCANSA EM PAZ AGORA

Posted by vidapura2 em Março 9, 2009

Ah, mas dêem-me a música, talvez
assim acalme, minha dor e
monstruosa revolta, que vai no meu peito!

Nasce-se. Morre-se. E tudo é tão assim,
que o que temos, de pouco nos serve, quando a morte,
vier de mansinho, reclamar sua divida.

Glória passageira, nesta vida, somos simples
bonecos, de cara enterrada na lama!
lutando e pedindo, só um pouco
mais de tempo, para que a flor-de-lis,
venha a ter, o seu merecido despontar.

E vemos nossos filhos crescer,
de encontro ao focinho, da corrupção.

E depois vêm os netos. E quando pensamos,
que, a tranquilidade é connosco,
podendo vê-los crescer e brincar com eles,
logo a desgraça se abate, imerecidamente.

E ficamos doentes, entregues a hospitais,
sem qualquer humanidade, que de pronto,
nos abandonam, à nossa pouca sorte.

E a casa regressando (nunca melhores),
apenas a terra e as cinzas, nos esperam,
enquanto os assassinos, se passeiam.

Na flor da idade, obrigaram-te a partir,
meu querido, Zé Carlos, simpatia em
pessoa, para com todos.

Pois quem de atenções, devia cuidar-te,
simplesmente, não cumpriu a promessa,
juramento de todos os médicos.

Meu choro, não cabe mais em mim,
porque não me vesti de sangue novo,
resgatando-te, para a vida.

Nada fiz por ti. e a minha vida, não te a
entreguei, em mãos. então, porque
me digo eu poeta? Ah, quanta falsidade,
vejo hoje, existir em mim.

Nada. é o que sou.

Jorge Humberto

Posted in poesia | Leave a Comment »

Crepúsculo

Posted by vidapura2 em Março 9, 2009

                        Meu olhar tenta divisar quando o sol se funde desmaiando seus raios …
                        E  minhas pálpebras vão se tornando pesadas, vão parecendo ensaiadas, vão retesando os músculos  para  admirar o crepúsculo!
                        Crepúsculo, também da alma, descolorida de dor.
                        E a natureza insiste em relembrar horas tristes…
                        Em desenhar o meu ósculo, em procurar os afagos,  em procurar entender …
                        Que há um crepúsculo da vida que ainda insiste em viver.
                        Como  a tocha  da esperança, meu olhar cerrado alcança e voa rumo ao céu.
                        Uma ave me vizinha,  voa leve e tranquila.
                        Meu coração se aquieta, não há vento, nem açoite, só a presença da noite, abismo, escuridão…
                        Dormindo meu pensamento…envolto no manto do meu coração.
                        E  a manhã, chega atrasada, de horas tão assanhadas, querendo viver o então!
                        E o então, então se revela,
                        E as lágrimas que nem vertentes, pingam as minhas saudades,  envoltas pela  emoção,  ao perceber o crepúsculo… matando minha paixão!

 Cida Valadares

Posted in poesia | Leave a Comment »

TÃO HUMANO!

Posted by vidapura2 em Março 9, 2009

      Este meu coração
      tão aberto e tão simples,
      que nem mesmo se ouve
      e nem mesmo se sente,
      de tão largo e tão mudo,
      tornou-se descrente.
      Quantas vezes o vi
      a doar-se e calado,
      afastar-se chorando
      por não ser percebido.
      Este meu coração,
      tão aberto, tão simples,
      tão humano e vencido!

      Ceres Marylise

Posted in poesia | Leave a Comment »

¡MUJER… LA VIDA!…

Posted by vidapura2 em Março 9, 2009

¡Sí!… Es a partir de ella que empieza la vida…
¡Mujer es génesis, la concepción!
La superprotectora del embrión,
en sublime encargo, por Dios escogida.
 
En su vientre, el feto bajo protección.
¡Da a luz!…    ¡La especie que se perpetúa!
Amamanta… ¡Misión exclusiva suya!…
Mientras crece, la cría, le da educación.
 
Del hijo, vive las victorias y fracasos.
À veces, en el lugar de madre y de padre;
mas es ahí que siempre se sobresale
el instinto de mujer al dar los pasos.
 
¡Mujer es vida… Un ser polivalente!
Ora madre, ora compañera, amante.
Detalles que el hombre conoce bastante…
¡Sin ella, no sería un sobreviviente!
 
¡Mujer es vida… Se revistió de gloria!
Competencia le resultó en conquista.
Y que ahora en la sociedad ella es vista,
tanto como el hombre, haciendo la Historia.
 
Ógui Lourenço Mauri

Posted in poesia | Leave a Comment »

MULHER… A VIDA!…

Posted by vidapura2 em Março 9, 2009

Sim!… É a partir dela que começa a vida…
Mulher é gênese, alfa da concepção!
Também é a superprotetora do embrião,
Em sublime encargo, por Deus escolhida.

Em seu ventre, traz o feto em proteção.
Dá à luz!… A espécie que se perpetua!
Amamenta… Missão exclusiva sua!…
Enquanto cresce a cria, dá-lhe educação.

Do filho, vive as vitórias e fracassos.
Às vezes, no lugar de mãe e de pai;
Porém, é aí que sempre se sobressai
O instinto de uma mulher ao dar os passos.

Mulher é a vida… Ela é um ser polivalente!
Ora é mãe; depois é a companheira e a amante,
Detalhes que o homem conhece bastante…
Sem ela, não seria um sobrevivente!

Mulher é a vida… Se revestiu de glória!
Competência lhe resultou em conquista.
Eis que agora na sociedade ela é vista,
Pari passu ao homem, a fazer a História.

Ógui Lourenço Mauri

Posted in poesia | Leave a Comment »

MINHA AMADA

Posted by vidapura2 em Março 9, 2009

Estes versos
são doces carícias,
saindo do peito,
como um amor perfeito…
Assim é a felicidade,
paz e amor, em sua junção,
trazem, na verdade,
alegria para o coração…
Chegas luminosa,
com tua presença radiosa,
minha vida iluminando,
e teu amor me entregando…
Foram sonhos risonhos,
que mais do que uma noite,
levaram-nos a um eterno amar…

 
Marcial Salaverry

Posted in poesia | Leave a Comment »

RECURSO ANTISSÉPTICO

Posted by vidapura2 em Março 9, 2009

Sabe você que intriga e queixa, no fundo, são resíduos de doenças da alma, comparáveis a certas culturas microbianas que decorrem de infecções no corpo.
Lamentação e pessimismo podem alastrar-se através de contágio mental.
Um alarme falso assemelha-se ao estopim curto que suscita a explosão da calamidade, capaz de ocasionar a morte e a dilapidação física de muitas pessoas; a frase cochichada em que se expressam a leviandade e a maledicência, ao arrastar-se, de casa em casa, é também suscetível de ser o veneno que arrase ou prejudique existências numerosas.
Previna-se contra o risco, neutralizando no silêncio qualquer tóxico verbal que alguém lhe esteja administrando.
Nesse trabalho de imunização, comece refletindo que todos somos espíritos imortais e que, um dia, todos nos reencontraremos uns com os outros.
Aceite os agressores por irmãos enfermos necessitados de tratamento espiritual no pronto-socorro da oração.
Compreenda que nós todos, os espíritos ainda vinculados à evolução terrestre, somos igualmente passíveis de erro.
Desculpe qualquer ofensa, seja de quem for ou venha de onde vier.
E continue trabalhando de consciência tranqüila, reconhecendo o nosso dever de tolerar os comentários doentes, nas trilhas do cotidiano, com a certeza de que, no mundo, por enquanto, as conversações infelizes fazem parte do inevitável.
 Francisco Cândido Xavier

Posted in poesia | Leave a Comment »

SER MULHER

Posted by vidapura2 em Março 9, 2009

Ser mulher não é ter sexo feminino, cabelos mais longos e curvas pronunciadas.
Ser mulher é ser sentimento em sua essência e pureza.
Ser que dá vida, cria e educa outros seres.

Deus lhe envia criaturas imperfeitas para que por suas mãos, elas voltem para Ele mais aperfeiçoadas.

Sua beleza não foi criada para servir de adorno, vitrine de prazeres e objeto de vaidade.
Foi para mostrar ao sexo oposto o quanto tem de belo o ser que carrega em si o mais sublime dos amores: o materno.

A mulher se embeleza mais pelas virtudes do que pelos cosméticos.
Perfuma-se mais pelo amor do que pelas essências embaladas.
Rejuvenesce quando cria sabedoria. Cresce quando se doa.
Ilumina-se, quando ama.

A mulher não pode esquecer que nasceu na Terra para evoluir; seu corpo não deve ser objeto exclusivo de sua atenção e sim a sua alma.
O corpo os vermes devoram.
A alma os anjos vem buscar para a Eternidade.

                                Mitera/ Miryã Kali

Posted in poesia | Leave a Comment »

PODEMOS NOS DEIXAR ENGANAR POR AMOR

Posted by vidapura2 em Março 9, 2009

Costuma-se dizer que o amor de mãe é cego, e a tudo perdoa, porque para as mães, de modo geral, suas crianças sempre serão perfeitas, e nada farão de errado, e que muitas vezes chegam a fechar os olhos para não ver certas barbaridades cometidas por seus rebentos, sempre procurando atribuir a culpa a terceiros, já que “meu filho não seria capaz de fazer isso…”, mas muitas vezes, é sim…

 

Assim,  tal julgamento, que é um tanto quanto falho, pois todas as pessoas são passíveis de erros (nossos filhos inclusive), não é “exclusividade maternal”, já que todos nós temos uma tendência natural para jogar com dois pesos e duas medidas, dependendo de quem cometeu este ou aquele erro, se é alguém de quem gostamos ou não. E invariavelmente faremos o prato pender a favor do lado que conta com nossa simpatia. Sempre com a tradicional frase: Fulano eu conheço, é gente de bem. Agora o outro…

 

 A simpatia pessoal sempre poderá atrapalhar qualquer julgamento. Nossos amigos serão incapazes de atos falhos. E nem sempre tal maneira de pensar estará correta, pois é necessário que haja isenção de ânimo para que se possa julgar quaisquer atos.

 

Aliás, isso é reconhecido pela Justiça, quando da escolha dos jurados que irão decidir os destinos de algum réu. Eles não podem sequer ser conhecidos remotos da pessoa a ser julgada.

Recebi de meu amigo L’Inconnu, uma frase que vem a calhar para o assunto em pauta:

“As pessoas que mais gostamos, são as que mais nos decepcionam, pois pensamos que são perfeitas e esquecemos que são humanas.”

 

E isso é algo que jamais poderemos esquecer, pois o erro é inerente à nossa condição humana.

 

Todos somos sujeitos a fazer alguma besteira. Todos somos basicamente honestos, mas muitas vezes a tentação é forte demais para nossa condição humana, e poderemos cometer algum deslize. Os outros erram, ou fazem sacanagem, nós, ou nossos amigos apenas cometemos eventuais deslizes.  Imbuídos dessa certeza, saberemos que aqueles a quem amam também estão classificados como humanos, e passíveis de erros. Mas quando estes acontecerem, nossa decepção sempre será dobrada.

 

Essa falha de julgamento é um dos erros que mais frequentemente cometemos. Muitas vezes preferimos encobrir coisas erradas, pelos laços que nos ligam a pessoas culpadas, e esse não é um procedimento correto, pois nada mais justo do que aquele que errou, pagar por seus erros, seja ou não alguém de nossas relações.

 

Aquele que disser que jamais cometeu um ato falho, ou alguma infração, direi estar diante de alguém que não nasceu ainda, ou então de um grande mentiroso que, por sua mentira está incorrendo em nova infração.

 

Não é somente de crimes, roubos, peculatos, adultérios, apropriações indébitas, cujas punições estão previstas pelo Código Penal, que é composto o mundo de “crimes” usualmente cometidos.

 

Também podemos falar em “cola” nas provas escolares, subornos de guardas de transito, mentiras contadas aos pais, irmãos, chefes, etc… E assim vai… Todos sabemos o que já fizemos na vida. Portanto, perfeição não existe. E o fato de também sermos passíveis de erros, confirmando o célebre ditado: HERRAR É UMANO, automaticamente não nos dá direito de julgar aqueles que desejamos condenar.  Podemos, quando muito criticar quem acreditamos estar errado, sujeitando-nos a receber criticas por nosso procedimento, nunca esquecendo que críticas nem sempre são válidas.

 

Assim sendo, vamos dar a todos o direito de errar, desde que não sejamos prejudicados, pois nesse caso, temos o direito de defender nossos direitos. Mas, fica a ressalva. Uma coisa é criticar e procurar defender nossos interesses na ameaça de sermos lesados, outra coisa é condenar sumariamente aquele que errou.  Por sermos igualmente “umanos”, e portanto sujeitos a “herros”, não temos o direito de julgamentos sumários, e crucificar quem quer que seja, até mesmo um presidente bêbado… Quem nunca tomou alguns pileques na vida?

 

Todo e qualquer crime deve ser apurado, e julgado por quem de direito.

 

Indiscutivelmente uma vez apurada a culpabilidade daquele por quem brigamos um dia, apenas por ser uma pessoa querida, aumentará nossa decepção.

 

Assim, vamos pensar em nossos “herros umanos”, sempre procurando ter UM LINDO DIA, ao invés de comete-los.

 

  Marcial Salaverry

Posted in poesia | Leave a Comment »

É FÁCIL ENTENDER AS MULHERES

Posted by vidapura2 em Março 9, 2009

Talvez por má vontade, talvez por não terem a compreensão devida, algo que desde tempos imemoriais foi muito difícil para os homens, é saber entender as mulheres.

Para os homens sempre será complicado penetrar nos meandros da personalidade feminina. Talvez por causa do machismo, por não querer admitir a fortaleza que existe por trás da aparente fragilidade feminina. Talvez por um receio de perder a tão decantada “supremacia masculina”, que na realidade existe apenas em algumas cabeças retrógradas.

Precisamos apenas saber entender que com raríssimas exceções, elas são mais sonhadoras e mais românticas, tendo em sua juventude a cabeça cheia de sonhos, mas nem sempre dentro da realidade da vida. Nos tempos atuais a coisa não é bem assim, mas vamos assim considerar.

Mas, digam-me, não é bom sonhar? Sair um pouco fora da realidade? Ao invés de tentar traze-las para o nosso mundo, vamos aceitar esse mundo muito mais bonito que a realidade nua e crua.

Com a passagem do tempo, elas vão mudando seu enfoque da vida, premidas pela necessidade de ajudar sua família na luta pela subsistência, abrindo mão de seus sonhos mais doces, e sempre emprestando seu braço forte, seu coração lutador, sua alma ainda romântica, ainda com sonhos de conseguir algo melhor.

É preciso entender que dentro de seu espírito lutador, sempre existirá algo daquela menina vaidosa, sempre cuidando de sua aparência, preocupando-se com quilinhos extras, com eventual arredondamento dos quadris, com algumas ruguinhas. Por vezes se traumatizam com o que acontece ao seu exterior, e lamentam o viço perdido. Cabe a seus companheiros fazer com que elas saibam que para nós continuam belas como quando as conhecemos, e que as amamos desse jeitinho que estão, porque o amor existe em nosso interior, e não vai diminuir porque fisicamente não é mais aquela garotinha linda. É essa coroa linda e cheia de charme. Aliás, nós também já não somos mais aqueles “caras sarados”…

Basta que os homens deixem o machismo bobo de lado, e saibam admitir que ainda e sempre estarão amando aquela mulher, da mesma maneira que amaram a menina que ela foi.

Nada contra o fato delas desejarem embelezar-se. Afinal, o fazem por nós. Aparentemente pelo menos, pois na realidade o fazem porque querem sempre estar belas para seu espelho, e para que as outras a vejam bela. Belas sempre estarão, se conservarem belo seu interior.

Temos que saber entender o porque dos salões de beleza, das academias, das caminhadas e dos regimes. Precisam mostrar para seus amores e para suas amigas que podem encarar qualquer eventual concorrência.

Um pouco da culpa cabe aos homens, pelas comparações que nunca deixam de fazer, e por não saber demonstrar que o amor que um dia sentiram, não vai mudar por causa da mudança do físico. Faça-as sempre se sentirem amadas. Demonstrem esse amor, esquecendo o machismo, e sendo românticos. Declarem seu amor. E assim elas saberão que continuam sendo amadas, e serão mais felizes.

Como declarar o amor? Dizendo que a ama. Dando-lhe flores. Levar pessoalmente é mais romântico do que mandar entregar. Pequenas surpresas contam ponto. Uma carícia mais ousada, fazendo com que ela se sinta desejável e atraente. Mostrando que ela é tão bela quando está passando roupa, ou fazendo o almoço, como ao sair do salão de beleza, e que quando está se espreguiçando ao sair da cama, é tão sensual, tão bela como quando está saindo do salão de beleza, e que a lipoaspiração que quer fazer, não é necessária, pois ainda e sempre a amamos.

É preciso entender as mulheres. E a principal ambição, o principal sonho de qualquer mulher é sentir-se amada. Amada pelo companheiro, pelos filhos, pelos netos, mas amada não porque é excelente dona de casa, ou porque faz uma deliciosa torta de palmito, mas amada porque ela é a pessoa mais importante do lar. Amada por que ela faz tudo para deixar os outros felizes, e quer apenas essa retribuição, em amor e carinho.

Convenhamos que é fácil entende-las. Basta deixar de lado certos pensamentos retrógrados que condenam o fato do homem dizer que não consegue viver feliz longe de sua mulher.

Com um ramo de flores numa das mãos, com muito amor no coração, vamos dizer que as amamos e que somos felizes quando elas o são.

E vamos todos ter UM LINDO DIA.

Marcial Salaverry

Posted in poesia | Leave a Comment »

DESCOBRINDO A VERDADEIRA BELEZA DA MULHER

Posted by vidapura2 em Março 9, 2009

Para descobrir qual a verdadeira  beleza da mulher, temos que ter presente que não é suficiente falar sobre a beleza das mulheres, de uma maneira geral, mas sim da mulher, como um ser especial, como o maior presente que o Amigão deu para a humanidade, porque não se pode dizer que foi um presente para os homens, apenas, já que a mulher sempre estará presente quando algo de importante estiver sendo resolvido.

 

Existem detalhes que ressaltam a beleza física da mulher, tais como os famosos banhos de salão, e banhos de loja. Isso sem falar em lipoaspiração, operação plástica, e etc…

 

Uma linda mulher artisticamente produzida ficará mais bela ainda.  Claro, com  belas roupas, um penteado artístico feito por habilidosas mãos de um bom cabeleireiro, mãos e pés bem cuidados, além de um bom perfume, não necessariamente francês, pois já temos excelentes perfumes nacionais, são ingredientes que ressaltarão de maneira marcante a beleza natural que toda mulher tem.

 

Toda mulher tem? Sim, toda, mesmo aquelas que podem ser, fisicamente, consideradas como feias, sempre terão sua beleza interior.  E mesmo uma aparente feiúra, ficará bela, ou pelo menos bonita após os banhos de salão e de loja.

 

Acontece que a verdadeira beleza de uma mulher não está nas roupas que ela usa, na imagem que ela carrega, ou na maneira que ela penteia os cabelos, mas sim em seu interior. Está no brilho de seu olhar.

 

A principal porta de entrada para o interior de uma mulher são seus olhos, e com toda a certeza, a beleza de uma mulher pode ser vista a partir dos seus olhos porque essa é a porta para o seu coração, o lugar onde o amor reside. É a porta de entrada para sua alma, que mostra a riqueza de seus sentimentos, que mostra a força de seu amor.

 

Claro que tudo não será válido, se for uma mulher incapaz de amar, uma mulher que só carregue ódio dentro de si. Essa, mesmo que seja fisicamente bela, será sempre uma pessoa feia.  Não terá essa beleza interior, que é apanágio daquelas que sabem amar.

E como as mulheres sabem amar… Geralmente conseguem expressar e sentir seu amor de uma maneira mais intensa e declarada do que os homens, normalmente mais comedidos, menos capazes de escancarar seus sentimentos. Mais fechados em seu tolo machismo.

 

A medida que o tempo vai passando, mais vai se acentuando essa beleza feminina, pois a beleza de uma mulher está nas marcas do seu rosto. Nas rugas, que um sorriso sempre acentua favoravelmente.

 

Sabendo olhar, sabendo avaliar, é fácil constatar que cada ruga que vai surgindo, vai tornando mais belo aquele rosto, pois sua alma vai acumulando mais amor, mais carinho, já que a verdadeira beleza de uma mulher está refletida na sua alma, está no amor que ela tem no seu interior. Está na maneira com que flui esse amor, e como ela sabe faze-lo fluir.

 

E a beleza de uma mulher, com o passar dos anos, apenas cresce, desde que ela saiba desenvolver sua capacidade de amar. Desde que ela saiba viver em paz com seu interior.

 

Apenas deveremos saber apreciar a verdadeira beleza feminina.  Não deveremos nos ater apenas na apreciação de seus atributos físicos.

 

Através de seu sorriso, através do brilho de seus olhos, poderemos enxergar o amor que ela tem em seu interior.  Seja amor por seu parceiro, seja o amor pela Natureza, seja o amor pela humanidade.  O importante é saber usar a capacidade de amar. É saber amar.

 

A propósito, você já notou como está bonita hoje? Está amando? Então certamente estará bela.

 

Veja seu sorriso, veja seus olhos brilhantes. É aí que está sua real beleza, que está apenas refletindo sua beleza interior. Olhe-se ao espelho, ame-se, saiba amar-se.

 

Não ligue para sua idade cronológica, nem tampouco para suas rugas, ou mesmo sua celulite ou adiposidades.  Cuide de seu interior, ele não precisa de operações plásticas, nem tampouco de cuidados médicos, pois precisa apenas de amor, principalmente se for amor por Deus ou pela humanidade…  Basta que seja um amor real, autêntico, verdadeiro.

 

Assim, amorosamente, desejo UM LINDO DIA.
 
 
 
 
 Marcial Salaverry

Posted in poesia | 2 Comments »